Mais ou menos

(Via Kilincs)

    Eu sou especialista em 50%.
   
    As pessoas praticam esportes, dominam línguas estrangeiras, tocam instrumentos mentem ou cozinham muito bem. Tenho certeza que você aí que está lendo isso conhece várias pessoas (incluindo você mesmo) que possui pelo menos um desses talentos. Todo mundo é bom em alguma 
coisa e a obrigação de quem está em volta é admirar e desejar ser como tal.

     Meu negócio é a metade. Eu sei fazer de tudo: eu escrevo, jogo videogame, toco violão, desenho e lavo meu próprio cabelo. Seria o protótipo da máquina humana mais gloriosa em forma de jovem-adulta se não fosse a pequena peculiaridade de eu não fazer nada direito. Conheço algumas músicas daquela banda e li alguns livros daquele autor. Faço alguns rabiscos mais ou menos e escrevo textos um pouco interessantes. Entendo um pouco de física quântica e tenho uma opinião política que nunca está completamente formada. O fato é que antes da gente encontrar a nossa verdadeira vocação, cada fracasso é um desespero diferente. E eu fracassei todas as vezes em tudo que tentei até encontrar meu verdadeiro talento: ele mesmo, O Fracasso. Pessoas comuns tendem a refugiar-se dele em meio a suas habilidades naturais e esforço, usam seus atributos como forma de consolo para algo que nem é tão ruim assim.


     Confesso que a frustração é horrível, principalmente àqueles que estão acostumados com a glória da admiração. Mas e quando você mesmo é uma frustração ambulante, um "mais ou menos", um especialista em 50% de tudo? É aí que cada derrota se torna o verdadeiro orgulho, é quando você sabe que pode contar com si próprio pra fazer as coisas darem um pouco certo. Se o seu objetivo é fazer algo relativamente bom, tenho a pessoa certa pra te indicar.

3 comentários:

  1. Mas esse seu texto ficou TÃO bom, que acho que você é MUITO, MUITO MAIS que 50% na escrita ;)
    (E seu cabelo azul lindo também é 100%.)
    (E seu blog lindo também é 100%.)
    (Aceite-se como 100%!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que essa é a coisa mais gentil que eu vou ler esse ano.
      MUITO OBRIGADA :3

      Excluir
  2. Esse texto combina tão bem comigo, eu consigo fazer diversas coisas só que nunca com perfeição. Eu não sou a melhor naquilo que eu faço, e é bem frustante as vezes, só que ai eu percebo que eu fazendo errado já é a certeza que vou ter boas histórias depois dos meus fracassos
    beijos
    http://lolamantovani.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

THE STARBLIND - 2017. Todos os direitos reservados. Modelo por: Emmile Santos. Tecnologia do Blogger.